http://ponteplural.com.br/quem-somos/

Quem Somos

Histórico

A Ponte Plural é uma iniciativa cultural que atua desde 2010 fomentando o empreendedorismo no setor musical e articulando redes no estado do Rio de Janeiro, a fim de criar novos arranjos criativos locais. A Ponte Plural atua sob a lógica do netweaving, isto é fortalece e cria redes através da conexão de pessoas. No período de cinco anos de atuação suas ações já atingiram mais de 50.000 pessoas em 8 países. Atualmente desenvolve suas atividades nos seguintes núcleos: produção cultural, pesquisa, capacitação e incubadora de empreendedores e de redes criativas.

 

gritorockshowmcacirco

Móveis Coloniais de Acaju no Circo Voador – Foto: Jamie and The Boys

 

Na área de produção cultural, já realizou dezenas de eventos e festivais gratuitos, ou a preços populares, em importantes espaços de shows, tanto na Capital (Circo Voador, Teatro Rival, Studio RJ, entre outros), quanto no interior (Niterói, Volta Redonda, Cabo Frio, Três Rios, Areal,  Cordeiro e Cantagalo), por onde circularam mais de 300 artistas e bandas de todas as regiões do país – tais como Gaby Amarantos (PA), O Teatro Mágico (SP), Móveis Coloniais de Acaju (DF), Gang do Eletro (PA), Scalene (DF), Velhas Virgens (SP), Maglore (BA), Macaco Bong (MT), Far From Alaska (RN) e Emicida (SP) – e da cena musical contemporânea do Rio de Janeiro, como Cícero, Suricato, Letuce, Autoramas, Mahmundi, Folks, Facção Caipira, Tereza, entre outros.

 

Além disso, possui ampla experiência na gestão e elaboração de projetos culturais, com aprovações em diversos editais da Secretaria Estadual de Cultura do Rio de Janeiro, Ministério da Cultura, FAPERJ, CNPQ; bem como com captação de verbas pelas leis de incentivo estadual e federal junto às principais empresas patrocinadoras do país.

 

2011 - Série Debate Novos Canais de Distribuição da Música com SEBRAE 1

Debate em parceria com o SEBRAE no CRAB

 

Formada por uma equipe multidisciplinar, composta por empreendedores culturais, advogados, pesquisadores e comunicadores, a Ponte Plural desenvolve atividades de capacitação tais como palestras, cursos, debates, dentre estes, destacam-se Outbox: Pensando Fora da Caixa, o eMIC – Encontro de Música Independente Contemporânea (em parceria com o coletivo Subsolo) e o workshop Músico Plural, que passou por diversas cidades do Estado do Rio de Janeiro, com a lógica de tornar os participantes em transformadores culturais qualificados para buscar soluções criativas para demandas de suas cidades.

Além disso, atua desenvolvendo redes e organizando arranjos criativos onde são estimuladas as trocas de informações e de experiências entre seus participantes, bem como o empreendedorismo, a fim de  gerar novos negócios no setor através da primeira incubadora de redes do Brasil: o Nós de Rede. Já a incubadora de empreendedores criativos –  Estação de Empreendedorismo Cultural – tem foco na área musical e é desenvolvida como projeto de extensão no âmbito da graduação de Estudos de Mídia, na Universidade Federal Fluminense, em parceria com o LabCult (Laboratório de Pesquisa em Cultura e Tecnologias da Comunicação, coordenado pela Profa. Dra. Simone Pereira de Sá.

2014-05-31 14.41.51

Palestra no Seminário Serrano de Economia Criativa

 

No tocante às conexões internacionais, os representantes da Ponte Plural participam dos principais congressos, festivais e feiras do mercado musical no exterior (como a BAFIM na Argentina e a WOMEX nas edições no País de Gales e na Hungria); bem como já realizaram palestras e apresentações em Universidades na Dinamarca, Inglaterra, Portugal, Turquia, Chile e Porto Rico detalhando os resultados das pesquisas acadêmicas desenvolvidas nas áreas de música, economia criativa e empreendedorismo cultural. Nos últimos anos, as atividades da Ponte Plural têm gerado grande interesse pela comunidade acadêmica e o case tem sido objeto de estudo no âmbito de graduações e pós-graduações brasileiras, nas áreas de administração, economia, cultura e comunicação.

ApresentacaoFalmouth

Apresentação na Fascinate Conference, na Inglaterra


Ainda no setor de pesquisa, prepara-se para lançar no segundo semestre de 2015 o Mapa Musical do Rio de Janeiro, um aplicativo de mapeamento colaborativo da cadeia produtiva da música do estado do Rio de Janeiro. O objetivo do projeto é dar visibilidade para a produção cultural da região, estimular a circulação e intercâmbio de informações de artistas brasileiros e estrangeiros e fomentar novos negócios em diversas cidades.

Em 2012, a Ponte Plural recebeu o Prêmio Economia Criativa do Ministério da Cultura na categoria de modelos de gestão de empreendimentos criativos. Em 2014, foi finalista do Prêmio Brasil Criativo e recebeu a Premiação de Iniciativas Culturais da Fundação de Artes de Niterói, ambos na categoria música. No mesmo ano, foi contemplada no Concurso de Ideias de Aplicativos da Incubadora da Universidade Federal Fluminense.

 

Equipe

Luiza Bittencourt

Coordenadora de projetos. Doutoranda em Comunicação na Universidade Federal Fluminense e mestre pela mesma instituição, onde desenvolve pesquisa relacionada a novos modelos de negócios, internacionalização e  tecnologias na área musical. Formada pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2005), possui especialização em Direito do Entretenimento pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2006) e em Empreendedorismo Musical pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2007); e Pós-Graduação em Direito da Propriedade Intelectual pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2008). Pesquisadora associada ao LabCult  – Laboratório de Pesquisa em Culturas Urbanas e Tecnologias (http://www.labcult.uff.br).

Rafael Lage

Programador musical das playlists. Mestre em Comunicação Social pelo programa de pós-graduação da Universidade Federal Fluminense e doutorando na mesma instituição; autor do livro Rotas da Música Independente, lançado em 2014 pela editora Multifoco; Pesquisador ligado ao Labcult – Laboratório de Pesquisas em Cultura e Tecnologias da Comunicação da Universidade Federal Fluminense. Profissional com experiência na área de comunicação e produção musical, assessoria de imprensa, assistente de produção, radialismo, organização de shows e eventos e produção de textos.

Susana Ribeiro

Assessora de Imprensa. Sócia da Ciranda Comunicação, que  atua há mais de 10 anos com sucesso nas áreas de cultura, arte, lazer e entretenimento e atende a gravadoras (Sony Music, EMI Music, Deckdisc e Universal Music); diversos artistas (como por exemplo Diogo Nogueira, Skank, Jota Quest, Jorge Vercilo, Cidade Negra, Beth Carvalho, Claudia Leitte e Forfun); além de eventos na área cultural (Mostra Melhores do Ano, Mostra Ver Ciência, Prêmio Multishow de Música Brasileira, os festivais Humaitá pra Peixe, Grito Rock e Fora do eixo, entre outros).

Marina Damin

Marketing Digital. Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Memória Social (PPGMS/UNIRIO) e bacharel em Comunicação Social – Publicidade e Propaganda pela UCS. Trabalha há mais de 10 anos com projetos digitais, especialmente na gerência de projetos, planejamento e criação de conteúdo para diversos segmentos. Sócia da Mistura Digital.

Lucas Waltenberg

Marketing Digital. Doutorando em Comunicação (PPGCOM/UFF) e bacharel em Estudos de Mídia. Trabalha desde 2009 em projetos de comunicação digital, com foco em projetos voltados para cinema, televisão e música. Sócio da Mistura Digital.

 

Parceiros

Captura de tela 2015-08-06 15.00.37